Páginas

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Túnel do tempo: Brasil e seu primeiro Mundial Sub-20 em 1983

O Campeonato Mundial de Juniores, rebatizado mais tarde de Mundial Sub-20 foi disputado pela primeira vez em 1977 na Tunísia com a extinta União Soviética conquistando o título. Na quarta edição realizada no México o título acabou nas mãos da Seleção Brasileira que derrotaria seu maior rival,a Argentina na final. E o blog conta como foi aquela conquista,a primeira dos cinco Mundiais ganhos pelo Brasil até hoje e que completou trinta anos no dia 19 de junho.

A fórmula de disputa e os participantes

As 16 equipes classificadas para o então Mundial de Juniores foram divididas em quatro grupos com quatro equipes cada. As duas primeiras colocadas de cada grupo avançavam para as quartas de final,depois os vencedores faziam a semifinal e por fim os dois restantes decidiam o título. No Grupo A classificaram para as quartas de final Escócia e Coréia do Sul enquanto que Austrália e os donos da casa ficaram na fase de grupos. No B Uruguai e Polônia deixaram para trás Estados Unidos e Costa do Marfim. No Grupo C a Argentina terminou como a única com 100% de aproveitamento entre todos os participantes. Em segundo ficou a extinta Tchecoslováquia enquanto que China e Áustria voltaram mais cedo para a casa. No Grupo D a Seleção Brasileira classificou-se como líder do grupo. A Holanda foi a segunda do grupo a frente de Nigéria e da União Soviética. O grande nome do Brasil na primeira fase foi Geovani, autor de três dos seis gols brasileiros na fase de grupos.

No mata mata

Na fase de quartas de final quem perdesse voltava para casa. No confronto entre europeus a Polônia bateria a Escócia e enfrentaria nas semifinais a Argentina que passaria diante da Holanda. O Uruguai cairia na prorrogação diante da Coréia do Sul enquanto que o Brasil golearia a Tchecoslováquia por 4 a 1 com dois gols do artilheiro Geovani. Nas semifinais a Argentina  passaria pela Polônia enquanto que o Brasil venceria a Coréia do Sul de virada e chegaria a sua primeira final de Mundial Sub-20 contra seus maiores rivais,campeões de 1979 e que lutava pelo bi da competição.

A final

Num estádio Azteca com mais de 100 mil pessoas a Seleção Brasileira teve toda a torcida a seu favor. A atmosfera da decisão os remeteria a treze anos atrás quando a principal foi tri nesse mesmo local. Assim como em 70 o Brasil jogaria boa parte do Mundial em Guadalajara saindo de lá somente para a final. E com esse espírito o Brasil sagraria campeão pela primeira vez com um gol de pênalti aos trinta e nove minutos convertido por Geovani,o grande nome da Seleção no Mundial.

As revelações brasileiras

Do lado brasileiro tivemos Bebeto, Dunga e Jorginho que seriam tetracampeões com a seleção principal nove anos mais tarde. Apesar de ser o craque do Mundial onde foi também o artilheiro com seis gols Geovani acabou não vingando na seleção principal.

O jogo do título

Brasil 1 x 0 Argentina

data 19/06/1983
estádio Azteca, Cidade do México-México
público 110000 pessoas
arbitro Gerard Biguet, França
gol Geovani (pênalti) aos 39 minutos do primeiro tempo

Brasil
Hugo; Jorginho, Boni, Heitor e Guto; Dunga, Geovani e Paulinho Carioca; Mauricinho, Marinho Rã (Bebeto) e Gilmar Popoca (Demétrio). Técnico: Jair Pereira

Argentina
Islãs; Basualdo, Borelli, Theiler e Oliveira; Vanemerak, Gaona (Graciani) e Zárate; Garcia, Gabrich e Dezotti. Técnico:Carlos Pachame


Dia 04/10  Vinte anos da Copa Conmebol do Botafogo

Nenhum comentário:

Postar um comentário