Páginas

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Libertadores: Os classificados, os eliminados e as chances de cada um

Faltando ainda duas semanas para o fim da fase de grupos, postaremos pra você como andam a situação de cada um dos 32 times. Dois grupos terão a última rodada já na próxima semana enquanto que nos demais ainda há duas rodadas a disputar.
Até agora apenas três times garantiram vaga nas oitavas: os argentinos Boca e Racing e o mexicano Tigres. Por outro lado, três times estão matematicamente eliminados, sendo dois da Venezuela (Táchira e Zamora) e o equatoriano Barcelona.
Veja a seguir a situação de cada um dos oito grupos e o que cada time precisa fazer para avançar:

Grupo 1 Colo Colo 9, Santa Fé e Atlético 6 e Atlas 3
Talvez o grupo mais indefinido da Libertadores. Os chilenos podem se garantir já na próxima semana com um empate, mas podem dar adeus em caso de duas derrotas, pois tem confrontos diretos com Santa Fé e Atlético. Correndo por fora, o Atlas precisa vencer as duas partidas para não precisar de combinações de resultados. Aqui ainda está tudo em aberto.

Grupo 2 Corinthians 12, São Paulo e San Lorenzo 6, Danúbio 0
Apesar dos doze pontos, o Corinthians ainda não está matematicamente classificado, e o Danúbio mesmo com nenhum ponto ainda pode se classificar. Como assim? Explico: os corintianos podem ser alcançados por São Paulo e San Lorenzo, se esses o vencerem e também aos uruguaios do Danúbio. Aí os três ficariam com doze pontos e os critérios de desempate definiriam os classificados. No caso do Danúbio a coisa é mais complicada: teria que vencer tanto São Paulo quanto San Lorenzo e torcer para ambos perderem para o Corinthians e ainda descontar um saldo negativo de dez gols. Aí os três acabariam com apenas seis pontos e a definição ficaria também nos critérios de desempate. Lembrando que até hoje nenhum clube foi eliminado com doze pontos e tampouco se classificou com seis.

Grupo 3 Cruzeiro 8, Universitário 6, Huracán 4 e Mineros 1
Todos ainda têm chances, embora o Cruzeiro esteja quase classificado e o Mineros quase fora. Caso vençam na próxima rodada, tanto o time brasileiro quanto o Universitário já carimbam a vaga com uma rodada de antecedência. Em terceiro, o Huracán também depende apenas de si para se classificar. Quase eliminado, só um milagre põe o venezuelano Mineros nas oitavas.

Grupo 4 Emelec e Inter 7, Strongest 6 e Universidad 3
Caso vençam fora de casa, Emelec e Internacional garantem vaga já na quinta rodada. Além dos dois, o The Strongest ainda depende de suas próprias forças para avançar. Na lanterna do grupo, a Universidad de Chile precisa vencer os dois jogos que restam e ainda torcer por combinação de resultados.

Grupo 5 Boca 15, Palestino e Wanderers 7 e Zamora 0
Aqui o Boca já está classificado em primeiro e o Zamora com zero ponto está eliminado. Palestino e Wanderers disputam a segunda vaga, sendo que o time chileno tem vantagem nos critérios de desempate no caso de igualdade de pontos ganhos.

Grupo 6 Tigres 11, Juan Aurich 6, River Plate e San José 4
Com onze pontos, o Tigres não só se classificou para as oitavas como garantiu o primeiro lugar da chave. Na segunda posição, basta uma vitória simples sobre os já classificados mexicanos que o Juan Aurich também passa. Se houver empate entre River e San José a vaga será dos peruanos até mesmo em caso de derrota. Já para os lanternas do grupo, a classificação só virá com vitória sobre o outro e triunfo do Tigres.

Grupo 7 Nacional e Libertad 8, Estudiantes 7 e Barcelona 4
Faltando uma rodada apenas o Barcelona não tem mais chances. Nacional e Libertad se enfrentam e ambos só se classificam juntos em caso de derrota do Estudiantes. Quem vencer se classifica e o empate nesse jogo no caso de vitória do Estudiantes põe o time colombiano nas oitavas. Caso o Estudiantes vença, garante a vaga independente do resultado da outra partida.

Grupo 8 Racing 9, Guarani 8, Sporting Cristal 6 e Táchira 3
Com nove pontos, o Racing já se garantiu nas oitavas, mas ainda pode terminar em segundo no grupo. Guaraní e Sporting Cristal se enfrentam pela outra vaga com os paraguaios jogando pelo empate enquanto que para os peruanos que jogam em casa só a vitória interessa. Com três pontos, o Táchira apenas cumpre tabela.



Nenhum comentário:

Postar um comentário