Páginas

sexta-feira, 17 de julho de 2015

Semifinais da Libertadores: River e Inter largam na frente



Nessa semana tivemos os jogos de ida das semifinais da Copa Libertadores 2015. Os ex-campeões River Plate e Internacional venceram seus jogos em casa e agora jogam com vantagem na volta para decidirem o título. Caso confirmem a vaga, conheceremos mais um tricampeão, já que ambos conquistaram a Libertadores por duas vezes: os argentinos em 1986 e 1996 enquanto que os brasileiros levantaram a taça mais recentemente, em 2006 e em 2010.
O River inclusive está em uma situação melhor que a dos brasileiros, pois pode até perder por um gol de diferença que estará em sua quinta final, a primeira sem ser em ano terminado em 6. O Internacional joga por empate e se perder garante a vaga para a terceira final em dez anos se for por um gol de diferença e marcando no mínimo dois.
Derrotados fora de casa, só restou a Guaraní e Tigres vencerem caso queiram decidir a Libertadores pela primeira vez. Os paraguaios, que nos mata-matas eliminou dois ex-campeões de forma surpreendente (Corinthians e Racing) precisa vencer por três gols para colocar o futebol paraguaio na terceira final seguida de Libertadores, depois de Olímpia em 2013 e Nacional ano passado. Será também o quarto clube diferente do país em decisões de 2010 pra cá (contando com o Cerro Porteño em 2011). Já o Tigres basta uma vitória simples para pôr o México numa final cinco anos depois da última presença. Naquele ano, o Chivas perdeu para o próprio Internacional e ficou com o segundo vice mexicano, já que o Cruz Azul havia perdido a final de 2001.


semifinais - jogos de ida 

14/07 terça-feira
River Plate-ARG 2x0 Guaraní-PAR

15/07 quarta-feira
Internacional 2x1 Tigres-MEX


jogos de volta

21/07 terça-feira
Guaraní-PAR x River Plate-ARG

22/07 quarta-feira
Tigres-MEX x Internacional


Qualquer seja a final, já tivemos decisões entre os quatro países representados com exceção de paraguaios e mexicanos. Brasileiros decidiram títulos contra argentinos em treze oportunidades e contra paraguaios em apenas duas. Já os argentinos enfrentaram times do Paraguai também por duas vezes e contra mexicanos uma única vez.







Nenhum comentário:

Postar um comentário