Páginas

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Os brasileiros que enfrentaram times dos onze países participantes da Libertadores

Ao enfrentar o Independiente del Valle do Equador amanhã, o Atlético Mineiro se tornará o oitavo clube brasileiro a enfrentar times dos onze países que disputam a Copa Libertadores. Nessa mesma edição os mineiros já haviam enfrentado time peruano pela primeira vez, e agora será diante de um equatoriano.
O primeiro time brasileiro a alcançar tal feito foi o Palmeiras em 2000 quando enfrentou o Atlas do México. Se formos considerar apenas os países da Conmebol o feito do time paulista foi alcançado em 1995 ao enfrentar o El Nacional do Equador, três anos antes dos mexicanos estrearem em Libertadores. Somente cinco anos depois é que seu feito fora igualado por outro brasileiro, no caso o São Paulo.
Por outro lado apenas Corinthians e Vasco dentre os campeões ainda não enfrentaram times de todos os países: os paulistas faltam jogar contra peruanos e os cariocas ainda faltam estrear diante de times da Bolívia. Os outros três times brasileiros que chegaram a final, mas acabaram com vice (São Caetano, Fluminense e Atlético Paranaense) ainda não enfrentaram times de dois países cada.
Segue abaixo os oito times brasileiros que alcançaram o feito juntamente com qual adversário de estréia e a edição:



Palmeiras

1961 Independiente-ARG, Santa Fé-COL e Peñarol-URU
1968 Náutico-BRA, Deportivo Galícia-VEN, Universidad Católica-CHI e Guarani-PAR
1971 Universitário-PER
1974 Jorge Wilstermann-BOL
1995 El Nacional-EQU
2000 Atlas-MEX


São Paulo

1972 Atlético Mineiro-BRA, Olímpia-PAR, Barcelona-EQU e Independiente-ARG
1974 Jorge Wilstermann-BOL, Millonarios-COL e Defensor Lima-PER
1978 Palestino-CHI
1982 Defensor-URU
2004 Deportivo Táchira-VEN
2005 Tigres-MEX


Santos

1962 Deportivo Municipal-BOL, Cerro Porteño-PAR, Universidad Católica-CHI e Peñarol-URU
1963 Botafogo-BRA e Boca Jrs-ARG
1965 Universitário-PER
1984 Junior-COL
2003 El Nacional-EQU e Cruz Azul-MEX
2007 Caracas-VEN


Cruzeiro

1967 Deportivo Galícia-VEN, Universitário-PER e Nacional-URU
1975 Vasco-BRA, Deportivo Cali-COL e Rosário Central-ARG
1976 Sportivo Luqueño-PAR e LDU-EQU
1994 Unión Española-CHI
2004 Santos Laguna-MEX
2008 Real Potosí-BOL


Grêmio

1982 São Paulo-BRA e Defensor-URU
1983 Blooming-BOL, Estudiantes-ARG e América-COL
1984 Universidad Los Andes-VEN
1990 Olímpia-PAR
1995 Emelec-EQU
1997 Alianza Lima-PER
1998 Chivas Guadalajara-MEX
2009 Universidad de Chile-CHI


Flamengo

1981 Atlético Mineiro-BRA, Cerro Porteño-PAR, Deportivo Cali-COL, Jorge Wilstermann-BOL e Cobreloa-CHI
1982 Peñarol-URU e River Plate-ARG
1984 Universidad Los Andes-VEN
2008 Coronel Bolognesi-PER e América-MEX
2012 Emelec-EQU


Internacional

1976 Cruzeiro-BRA e Olímpia-PAR
1977 Deportivo Cuenca-EQU e Portuguesa-VEN
1980 Velez Sarsfield-ARG, América-COL e Nacional-URU
2006 Pumas-MEX
2011 Jorge Wilstermann-BOL
2012 Juan Aurich-PER
2015 Universidad de Chile-CHI


Atlético Mineiro

1972 São Paulo-BRA e Cerro Porteño-PAR
1978 Unión Española-CHI e Boca Jrs-ARG
2000 Bolívar-BOL e Bella Vista-URU
2013 Tijuana-MEX
2014 Zamora-VEN e Santa Fé-COL
2016 Melgar-PER e Independiente del Valle-EQU


Vasco falta enfrentar times da Bolívia
Corinthians falta enfrentar times do Peru
São Caetano falta enfrentar times da Colômbia e Venezuela
Atlético Paranaense falta enfrentar times do Chile e Venezuela
Fluminense falta enfrentar times da Bolívia e Peru





Nenhum comentário:

Postar um comentário