Páginas

terça-feira, 21 de junho de 2016

Especial: Um século de Copa América - Parte 04

No último especial sobre os cem anos da Copa América iremos abordar as maiores goleadas, os maiores artilheiros em uma única edição e também no geral.


as maiores goleadas da Copa América

Nessa edição a goleada do Chile frente ao México por 7 a 0 entrou para a história do confronto, sendo que ficou a um gol de entrar para as oito maiores goleadas da competição. Os argentinos possuem as duas maiores e as seleções de Equador, Colômbia e Bolívia levaram oito ou mais gols em duas oportunidades.

1942 Argentina 12x0 Equador
1975 Argentina 11x0 Venezuela
1949 Brasil 10x1 Bolívia
1927 Uruguai 9x0 Bolívia
1957 Brasil 9x0 Colômbia
1945 Argentina 9x1 Colômbia
1949 Brasil 9x1 Equador
1926 Argentina 8x0 Paraguai


os maiores goleadores numa única edição

Em 44 edições jamais um jogador foi artilheiro da Copa América marcando no mínimo dez gols. Três chegaram perto ao anotarem nove gols, sendo que o argentino Humberto Maschio e o uruguaio Javier Ambrois foram os últimos a alcançarem tal marca e na mesma edição em 1959. De lá pra cá já se vão quase setenta anos e quem chegaram mais perto foram dois brasileiros: Pelé em 1959 e Adriano Imperador em 2004.


9 gols
Jair Rosa Pinto-BRA (1949)
Humberto Maschio-ARG (1959)
Javier Ambrois-URU (1959)

8 gols
Francisco Molina-CHI (1953)
Rodolfo Micheli-ARG (1955)
Pelé-BRA (1959)

7 gols
David Arellano-CHI (1926)
Raúl Toro-CHI (1937)
Teodoro Fernandez-PER (1939)
Humberto Masantonio-ARG (1942)
José Manuel Moreno-ARG (1942)
José Maria Medina-URU (1946)
Nicolás Falero-URU (1947)
Adriano-BRA (2004)


maiores artilheiros da história

O recorde pertence a dois jogadores: o argentino Norberto Mendéz e o brasileiro Zizinho, ambos com dezessete gols. Com os seis gols marcados nessa edição, e somados aos quatro do ano passado na qual foi artilheiro, o chileno Eduardo Vargas entrou para a lista dos 22 jogadores com no mínimo dez gols.

17 gols
Norberto Mendéz-ARG
Zizinho-BRA

15 gols 
Severino Varela-URU
Teodoro Fernandez-PER

13 gols 
Jair Rosa Pinto-BRA
Ademir-BRA
Batistuta-ARG
José Mnuel Moreno-ARG
Héctor Scarone-URU

12 gols 
Roberto Porta-URU
Ángel Romano-URU

11 gols 
Paolo Guerrero-PER
Agustín Ugarte-BOL
Hermínio Masantonio-ARG

10 gols 
Eduardo Vargas-CHI
Enrique Hormazábal-CHI
Héctor Castro-URU
Didi-BRA
Ronaldo-BRA
Óscar Sanchez-PER
Arnoldo Iguarán-COL
Ángel Labruna-ARG
   

artilheiros por mais de uma vez

Ao todo cinco jogadores alcançaram a artilharia por mais de uma edição, sendo que apenas o uruguaio Pedro Petrone foi artilheiro por três vezes. Tanto Petrone como o peruano Paolo Guerrero são os únicos goleadores máximos consecutivos. Caso venha conquistar a artilharia da Copa América Centenário, o chileno Vargas (goleador da edição passada) também entra para a lista:

3 vezes 
Pedro Petrone-URU (1923, 1924 e 1927)

2 vezes
Ángel Romano-URU (1917 e 1920)
Hermínio Masantonio-ARG (1935 e 1942)
Batistuta-ARG (1991 e 1995)
Paolo Guerrero-PER (2011 e 2015)


Por onze vezes a artilharia foi dividida entre dois jogadores e numa edição por quatro jogadores, sendo que nenhum deles defensor. No total 26 jogadores terminaram artilheiros e campeões. Dentre os países a Argentina lidera com dezesseis goleadores absolutos, seguido do Uruguai com onze e Brasil com dez. Por outro lado apenas a Bolívia dentre os filiados a Conmebol jamais teve um artilheiro da competição.



2 comentários: