Páginas

terça-feira, 5 de julho de 2016

Super Raio-X das Semifinais da Copa Libertadores 2016



E a Copa Libertadores está de volta após a pausa devido a Copa América Centenário com as semifinais. De 38 times que começaram a competição, apenas São Paulo, Nacional-COL, Boca Jrs-ARG e Independiente del Valle-EQU continuam na briga pelo título.
E o blog, claro, traz pra você um pequeno resumo das semifinais da Copa Libertadores 2016:




semifinais - jogos de ida

06/07 quarta-feira
São Paulo x Nacional-COL

O time colombiano tem a melhor campanha até aqui, sendo que não sofreu um gol sequer na fase de grupos e vem com moral após eliminar dois argentinos (Huracán e Rosário Central) enquanto que o São Paulo, que começou mal com apenas dois pontos nas três primeiras rodadas, recuperou-se e vem jogando os mata-matas com o regulamento debaixo do braço: vence em casa na ida e perde fora na volta marcando gols.


07/07 quinta-feira
Independiente del Valle-EQU x Boca Jrs-ARG

Sempre favorito, os argentinos são os únicos invictos dessa edição com cinco vitórias e cinco empates até aqui e tem tudo pra conseguir o sétimo título e igualar-se ao Independiente-ARG como os maiores vencedores da Libertadores. Já seu adversário equatoriano chega em sua primeira semifinal após eliminar o atual campeão River Plate, arquirrival do Boca e o mexicano Pumas, que havia feito boa campanha na fase de grupos. Tanto Boca quando Independiente se classificaram através da disputa de pênaltis.


raio- x dos mata-matas 


Final desde 1960
Semifinais 1960 a 1965, 1968 a 1970 e desde 1988
Quartas de final 1960 a 1961 e desde 1988
Oitavas de final desde 1988

46 mata-matas 
Boca Jrs-ARG - 34 classificações e 12 eliminações

36 mata-matas
São Paulo – 26 classificações e 10 eliminações

25 mata-matas
Nacional-COL – 15 classificações e 10 eliminações

2 mata-matas
Independiente del Valle-EQU - 2 classificações


semifinalistas desde 1988

A fase de mata-matas após a fase de grupos começou na edição de 1988, e desde então o time argentino é o que mais vezes esteve entre os semifinalistas (oito) seguido de perto do São Paulo, com um a menos. Os colombianos estiveram em apenas quatro ocasiões e o Independiente del Valle faz sua estreia:

8 vezes 
Boca Jrs-ARG (6 classificações  e 2 eliminações)

7 vezes
São Paulo (5 classificações e 2 eliminações)

4 vezes
Nacional-COL (2 classificações e 2 eliminações)


retrospecto dos semifinalistas

Pela primeira vez o Boca enfrenta um time equatoriano em mata-mata sem ser o El Nacional, adversário em duas ocasiões e em ambas as vezes válido pelas oitavas enquanto que o time equatoriano volta a enfrentar um argentino nessa edição. No outro confronto o Nacional terá pela quinta vez um time brasileiro como adversário em mata-mata, sendo que classificou-se apenas no primeiro confronto. Pior é o São Paulo, que na única vez que encarou colombianos em fases eliminatórias acabou se dando mal: derrota para o Once Caldas em 2004, curiosamente numa semifinal e sendo essa a última eliminação para um time de fora do país.



(2°) Boca Jrs-ARG x Independiente del Valle-EQU (3°)


Boca x times equatorianos

No geral 16 jogos – 11 vitórias, 4 empates e 1 derrota
Em mata-mata 2 classificações

2000 El Nacional (0x0 e 5x3) oitavas
2002 El Nacional (0x0 e 2x0) oitavas


Independiente del Valle x times argentinos

No geral 6 jogos – 2 vitórias, 1 empate e 3 derrotas
Em mata-matas 1 classificação

2016 River Plate (2x0 e 0x1) oitavas


(1°) Nacional-COL x São Paulo (4°)

2008 Nacional 1x1 São Paulo / São Paulo 1x0 Nacional (1ª fase)

Nacional x times brasileiros

No geral 22 jogos – 4 vitórias, 6 empates e 12 derrotas
Em mata-mata 1 classificação e 3 eliminações

1990 Vasco (0x0 e 1x0) quartas
1995 Grêmio (1x3 e 1x1) final
2008 Fluminense (1x2 e 0x1) oitavas
2015 Atlético Mineiro (1x0 e 1x1) oitavas

São Paulo x times colombianos

No geral 12 jogos – 5 vitórias, 4 empates e 3 derrotas
Em mata-mata 1 eliminação

2004 Once Caldas (0x0 e 1x2) semifinais


mata-matas entre os países semifinalistas

Argentinos e equatorianos se enfrentaram por onze vezes em mata-matas de Libertadores e a vantagem é dos clubes da Argentina, porém na única semifinal entre os dois países deu Equador. Já os brasileiros estão em desvantagem em relação aos colombianos no geral, embora nas duas finais entre os dois países tenha dado Brasil (1995 e 1999):


mata-matas entre argentinos e equatorianos
7 vitórias dos argentinos
4 vitórias dos equatorianos

1990 Barcelona x River Plate (1x0, 0x1 e 3x4 pênaltis) semifinais
1992 San Lorenzo x Valdez (2x0 e 2x0) oitavas
1999 River Plate x LDU (1x0, 0x1 e 5x4 pênaltis) oitavas
2000 Boca Jrs x El Nacional (0x0 e 5x3) oitavas
2001 River Plate x Emelec (0x2 e 5x0) oitavas
2002 Boca Jrs x El Nacional (0x0 e 2x0) oitavas
2005 River Plate x LDU (1x2 e 4x2) oitavas
2008 LDU x Estudiantes (2x0 e 1x2) oitavas
      LDU x San Lorenzo (1x1, 1x1 e 5x3) quartas
2011 Velez Sarsfield x LDU (3x0 e 2x0) oitavas
2016 Indepediente del Valle x River Plate (2x0 e 0x1) oitavas


mata-matas entre colombianos e brasileiros
9 vitórias dos colombianos
8 vitórias dos brasileiros

1960 Palmeiras x Santa Fé (2x2 e 4x1) semifinais
1990 Nacional x Vasco (0x0 e 1x0) quartas
1995 Grêmio x Nacional (3x1 e 1x1) final
1996 América x Grêmio (0x1 e 3x1) semifinais
1999 Palmeiras x Deportivo Cali (0x1, 2x1 e 4x3 pênaltis) final
2003 Independiente Medellín x Grêmio (2x2 e 1x0) quartas
      Santos x Independiente Medellín (1x0 e 3x2) semifinais
2004 Deportivo Cali x Cruzeiro (1x0, 1x2 e 3x0 pênaltis) oitavas
      Once Caldas x Santos (1x1 e 1x0) quartas
      Once Caldas x São Paulo (0x0 e 2x1) semifinais
2008 Fluminense x Nacional (2x1 e 1x0) oitavas
      Santos x Cúcuta (2x0 e 2x0) oitavas
2011 Once Caldas x Cruzeiro (1x2 e 2x0) oitavas
      Santos x Once Caldas (1x0 e 1x1) quartas
2013 Santa Fé x Grêmio (1x2 e 1x0) oitavas
2014 Nacional x Atlético Mineiro (1x0 e 1x1) oitavas
2015 Internacional x Santa Fé (0x1 e 2x0) quartas




Nenhum comentário:

Postar um comentário