Páginas

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Os participantes da Copa Libertadores 2017


Ontem a noite na sede da Conmebol em Luque-PAR tivemos o sorteio dos grupos da Copa Libertadores 2017 além dos confrontos das fases eliminatórias que antecedem a fase de grupos. Como todos sabem a Conmebol alterou a fórmula de disputa e também o número de participantes, que saltou de 38 para 47. E diferente do que vinha ocorrendo nos últimos vinte anos, essa edição terá apenas a participação de clubes sul-americanos, já que os mexicanos acabaram não se interessando em participar pois haveria conflito de datas com a Liga dos Campeões da Concacaf, já que a edição desse ano praticamente será espalhada pelo ano inteiro.
Segue abaixo a fórmula de disputa com todos os participantes da nova Libertadores, que agora terá o nome de Copa Conmebol Libertadores:


Conmebol
Nacional-COL (campeão da Copa Libertadores 2016)
Chapecoense (campeão da Copa Sul-Americana 2016)

Argentina
Lanús (campeão da Primera División 2016)
San Lorenzo (vice-campeão da Primera División 2016)
Estudiantes (3° colocado da Primera División 2016)
Godoy Cruz (4° colocado da Primera División 2016)
Atlético Tucumán (5° colocado da Primera División 2016)
River Plate (campeão da Copa Argentina 2015-2016)

Bolívia
Sport Boys (campeão do Torneo Apertura 2015-2016)
Jorge Wilstermann (campeão do Torneo Clausura 2015-2016)
The Strongest (melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Clausura)
Universitário de Sucre (2° melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Clausura)

Brasil
Palmeiras (campeão da Série A 2016)
Santos (vice-campeão da Série A 2016)
Flamengo (3° colocado da Série A 2016)
Atlético Mineiro (4° colocado da Série A 2016)
Botafogo (5° colocado da Série A 2016)
Atlético Paranaense (6° colocado da Série A 2016)
Grêmio (campeão da Copa do Brasil 2016)

Chile
Universidad Católica (campeão do Torneo Clausura 2015-2016 e Apertura 2016-2017)
Deportes Iquique (vice-campeão do Torneo Apertura 2016-2017)
Colo Colo (campeão da Copa Chile)
Unión Española (vencedor do Duelo de Vice-campeões de 2016)

Colômbia
Independiente Medellín (campeão do Torneo Apertura 2016)
Santa Fé (campeão do Torneo Finalización 2016)
Millonarios (melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Finalización)
Junior (2°melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Finalización)

Equador
Barcelona (campeão da Série A 2016)
Emelec (vice-campeão da Série A 2016)
El Nacional (3° colocado da Série A 2016)
Independiente del Valle (4° colocado da Série A 2016)

Paraguai
Libertad (campeão do Torneo Apertura 2016)
Guarani (campeão do Torneo Clausura 2016)
Olímpia (melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Clausura)
Deportivo Capiatá (2° melhor colocado na soma dos torneios Apertura e Clausura)

Peru
Sporting Cristal (campeão do Campeonato Descentralizado 2016)
Melgar (vice-campeão do Campeonato Descentralizado 2016)
Universitário (3° colocado do Campeonato Descentralizado 2016)
Deportivo Municipal (4° colocado do Campeonato Descentralizado 2016)

Uruguai
Peñarol (campeão do Campeonato Uruguaio 2015-2016)
Nacional (vice-campeão do Campeonato Uruguaio 2015-2016)
Cerro (3° colocado do Campeonato Uruguaio 2015-2016)
Montevidéu Wanderers (vice-campeão do Campeonato de Transición 2016)

Venezuela
Zamora (campeão da Primera División 2016)
Zuliá (vice-campeão da Primera División 2016)
Carabobo (melhor colocado na soma dos dois turnos da Primera División 2016)
Deportivo Táchira (2° melhor colocado na soma dos dois turnos da Primera División 2016)


1ª fase

Seis equipes de três países (os piores classificados de Bolívia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela) são divididas em três chaves eliminatórias onde os vencedores avançam para a segunda fase.

E1 Universitário de Sucre-BOL x Montevidéu Wanderers-URU
E2 Deportivo Municipal-PER x Independiente del Valle-EQU
E3 Deportivo Capiatá-PAR x Deportivo Táchira-VEN 


2ª fase

Aqui entram treze times: dois representantes de três países (Brasil, Chile e Colômbia) mais um representante dos outros sete países (Argentina, Bolívia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela). Esses treze se juntam aos três vencedores da 1ª fase totalizando dezesseis times, onde os mesmos são divididos em oito chaves eliminatórias.

C1 Atlético Paranaense x Millonarios-COL
C2 Botafogo x Colo Colo-CHI
C3 Cerro-URU x Unión Española-CHI
C4 Carabobo-VEN x Junior-COL
C5 Atlético Tucumán-ARG x El Nacional-EQU
C6 The Strongest-BOL x vencedor E1
C7 Olímpia-PAR x vencedor E2
C8 Universitário-PER x vencedor E3


3ª fase

Os oito classificados da 2ª fase são divididos em quatro chaves eliminatórias onde os vencedores avançam para a fase de grupos e dos quatro perdedores, os dois melhores vão para a Copa Sul-Americana.

G1 vencedor C1 x vencedor C8
G2 vencedor C2 x vencedor C7
G3 vencedor C3 x vencedor C6
G4 vencedor C4 x vencedor C5


Fase de grupos

Vinte e oito times dos dez países entram nessa fase: os campeões da Libertadores e Sul-Americana do ano anterior; cinco times do Brasil e Argentina e dois dos outros oito países. A esses times se juntam os quatro vencedores da 3ª fase formando oito grupos com quatro times cada. Os dois primeiros colocados de cada grupo avançam para a fase de mata-matas enquanto que os times que terminarem em terceiro nos seus respectivos grupos vai para a Copa Sul-Americana.

Grupo 1
Nacional-COL, Estudiantes-ARG, Barcelona-EQU e vencedor G2

Grupo 2
Santos, Santa Fé-COL, Sporting Cristal-PER e vencedor G3

Grupo 3
River Plate-ARG, Emelec-EQU, Independiente Medellín-COL e Melgar-PER

Grupo 4
San Lorenzo-ARG, Universidad Católica-CHI, Flamengo e vencedor G1

Grupo 5
Peñarol-URU, Palmeiras, Jorge Wilstermann-BOL e vencedor G4

Grupo 6
Atlético Mineiro, Libertad-PAR, Godoy Cruz-ARG e Sport Boys-BOL

Grupo 7
Nacional-URU, Chapecoense, Lanús-ARG e Zuliá-VEN

Grupo 8
Grêmio, Guarani-PAR, Zamora-VEN e Deportes Iquique-CHI


fase de mata-matas

Ao contrário do que vinha ocorrendo, a partir das oitavas os confrontos serão definidos através de sorteio e não no esquema atual (1° x 16°, 2° x 15° e assim por diante) como acontece na Liga dos Campeões da Europa. Os confrontos das quartas e semifinais também serão definidos dessa forma e a final, que poderia ser em jogo único permanece por enquanto no sistema de ida e volta.



Nenhum comentário:

Postar um comentário