Páginas

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Libertadores 2017: Os participantes da 1ª fase

A nossa postagem de hoje falará dos clubes que disputarão a primeira fase eliminatória. Serão seis times divididos em três confrontos onde os vencedores se juntarão aos outros já pré-classificados na segunda fase eliminatória. Esses seis times são os piores classificados dos seguintes países: Bolívia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.
Dois times estiveram na edição passada, casos do atual vice-campeão Independiente del Valle-EQU e do Deportivo Táchira-VEN, que conseguiu passar da fase de grupos.


E1 Universitário de Sucre-BOL x Montevidéu Wanderers-URU
E2 Deportivo Municipal-PER x Independiente del Valle-EQU
E3 Deportivo Capiatá-PAR x Deportivo Táchira-VEN



 Club Centro Deportivo Municipal-PER

1 participação
6 jogos – 6 derrotas
3 gols a favor e 12 contra (saldo de -9)
0 ponto – 197° no ranking (22° e último entre os peruanos)

1ª fase 1982

Mais enfrentou três times diferentes (2 vezes cada)
Maior derrota 0x3 Sol de América-PAR (1982 – 1ª fase)

Você sabia?
Pior clube peruano no ranking da Libertadores, o Deportivo Municipal é uma das quatro equipes que jamais somaram um pontinho sequer na principal competição sul-americana, ao lado do Estudiantes Tecos-MEX, Deportivo Pasto-COL e Everest-EQU.


Deportivo Táchira Fútbol Club-VEN

18 participações
113 jogos – 22 vitórias, 30 empates e 61 derrotas
100 gols a favor e 201 sofridos (saldo de -101)
96 pontos – 50° no ranking (1°entre os venezuelanos)

Quartas 2004
Oitavas 1989, 1991 e 2016
1ª fase 1980, 1982, 1983, 1985, 1987, 1988, 2001, 2005, 2009 e 2015 
Fase Pré 2006, 2007 e 2010

Freguês Marítimo-VEN (nenhuma derrota em 6 jogos)
Algoz Palmeiras (4 derrotas em 4 jogos)
Mais enfrentou Marítimo-VEN (6J - 3V, 3E), Tolima-COL (6J - 1V, 2E, 3D) e Cerro Porteño-PAR (6J - 1V, 2E, 3D)

Maior vitória 3x0 Estudiantes de Mérida-VEN (1987 – 1ª fase), 3x0 Sol de América-PAR (1989 – oitavas) e 3x0 Nacional-URU (2004 – oitavas)
Maior derrota 0x6 Santo André (2005 – 1ª fase) e 0x6 Corinthians (2012 – 1ª fase)

Você sabia?
Das 56 partidas que fez como visitante em Libertadores o Deportivo Táchira venceu apenas quatro, sendo três na Venezuela e apenas uma fora de seu país, na edição de 2009 quando venceu o Guaraní no Paraguai.




Club Social e Deportivo Independiente del Valle-EQU

3 participações
24 jogos – 11 vitórias, 5 empates e 8 derrotas
31 gols a favor e 29 contra (saldo de 2 gols)
38 pontos – 80° no ranking (7°entre os equatorianos)

Vice-campeão 2016
1ª fase 2014
Fase Pré 2015

Freguês times argentinos em mata-matas (2 classificações em 2 confrontos)
Algoz times brasileiros atuando no Brasil (2 derrotas em 2 jogos)
Mais enfrentou 12 clubes diferentes (2 vezes cada)

Maior vitória 2x0 Melgar-PER (2016 – 1ª fase) e 2x0 River Plate-ARG (2016 – oitavas)
Maior derrota 0x4 Estudiantes-ARG (2015 – Fase Pré)

Você sabia?
42° finalista da Libertadores e atual vice-campeão com apenas três participações, o time equatoriano também entrou para a história por ser o único dentre todos os mais de duzentos participantes da Libertadores que conseguiu eliminar a dupla argentina Boca-River numa mesma edição, isso no ano passado (River nas oitavas e Boca nas semifinais).



Montevidéu Wanderers Fútbol Club-URU

7 participações
43 jogos – 14 vitórias, 11 empates e 18 derrotas
54 gols a favor e 58 contra (saldo de - 4)
53 pontos – 63° no ranking (4°entre os uruguaios)

Oitavas 2002 e 2015
1ª fase 1975, 1983, 1986 e 1988
Fase Pré 2008

Freguês clubes paraguaios (nenhuma derrota em 4 jogos)
Algoz Boca Jrs-ARG (5 derrotas em 6 jogos)
Mais enfrentou Peñarol-URU (6J – 2V, 2E, 2D) e Boca Jrs-ARG (6J – 1V, 5D)

Maior vitória 4x0 Unión Huaral-PER (1975 – 1ª fase)
Maior derrota 0x3 Millonarios-COL (1988 – 1ª fase) e 0x3 Boca Jrs (2015 – 1ª fase)

Você sabia?
A maior vitória do Wanderers em Libertadores foi justamente a primeira do clube uruguaio válido pela competição, um 4 a 0 frente aos peruanos do Unión Huaral em 1975.



Club Deportivo Universitário de Sucre-BOL

2 participações
14 jogos – 2 vitórias, 6 empates e 6 derrotas
8 gols a favor e 14 contra (saldo de - 6)
12 pontos – 137° no ranking (9° entre os bolivianos)

Oitavas 2015
1ª fase 2009

Freguês Mineros de Guayana-VEN (2 vitórias em 2 jogos)
Algoz Cruzeiro (3 derrotas em 4 jogos)
Mais enfrentou Cruzeiro (4J - 1E, 3D)

Maior vitória 2x0 Mineros-VEN (2015 - 1ª fase)
Maior derrota 1x3 Deportivo Quito-EQU (2009 - 1ª fase)

Você sabia?
Apesar de ter sido derrotado por quase a metade dos jogos que fez em Libertadores, o Universitário conseguiu ficar seis jogos sem perder: a série invicta começou na última rodada da fase de grupos de 2009 ao empatar sem gols com o Estudiantes-ARG e terminou também na última rodada da fase de grupos, mas de 2015 quando perdeu para o Cruzeiro por 2 a 0, resultado que mesmo assim o classificou para as oitavas



Club Deportivo Capiatá-PAR

Estreante

Você sabia?
Estreante em Libertadores, o Deportivo Capiatá aprontou pra cima do Boca Jrs-ARG na Copa Sul-Americana de 2014 - até então sua única participação em torneios internacionais – ao vencê-lo em plena Bombonera (1x0). Mas na volta os argentinos deram o troco pelo mesmo placar e depois eliminaram o time paraguaio nos pênaltis. 


confrontos entre os times da 1ª fase em Libertadores
jamais se enfrentaram


Um comentário:

  1. Lembro desse jogo do Capiatá contra o Boca. Torci muito para eles na volta, mas não deu.

    ResponderExcluir